Rivaldo exalta Pedro, mas vê Gabigol mais perto de uma vaga na Seleção Brasileira

A chegada de um novo treinador no Flamengo foi um divisor de águas na carreira do atacante Pedro. Com nove gols e cinco assistências nos últimos sete jogos, o atacante que era reserva até pouco tempo com Paulo Sousa virou um jogador insubstituível com Dorival Júnior. Desde o ínicio da temporada, a torcida do Flamengo […]

Rivaldo exalta Pedro, mas vê Gabigol mais perto de uma vaga na Seleção Brasileira



A chegada de um novo treinador no Flamengo foi um divisor de águas na carreira do atacante Pedro. Com nove gols e cinco assistências nos últimos sete jogos, o atacante que era reserva até pouco tempo com Paulo Sousa virou um jogador insubstituível com Dorival Júnior.
Desde o ínicio da temporada, a torcida do Flamengo pedia Pedro e Gabigol atuando como titulares no ataque rubro-negro. Com a chegada de Dorival, a dupla conseguiu se firmar, e na opinião de Rivaldo, os dois atletas possuem características diferentes, mas que se complementam em campo.
“Quando dizíamos que o Pedro vinha tendo poucas oportunidades de jogar, precisamos entender que com o Gabigol no time, por vezes, o espaço de Pedro, acabava sendo preenchido por um grande artilheiro, que já construiu uma história no Flamengo, sendo normal que a sua afirmação no clube seja mais difícil”, disse o ex-jogador e pentacampeão mundial com a Seleção Brasileira em entrevista à Betfair.
“Após a chegada de Dorival Júnior, que decidiu apostar num ataque com dois centroavantes, tudo acabou se modificando para Pedro, que ganhou a titularidade e começou a se destacar com seus números impressionantes nas últimas partidas”, comentou.
Rivaldo ainda analisou a briga de ambos os atletas por uma vaga na Seleção Brasileira, para a disputa da Copa do Mundo do Catar, em novembro deste ano.

“Vejo o Gabigol melhor colocado para ter uma vaga na Copa do Mundo, pois ele já está adaptado à Seleção Brasileira e tem mais experiência”, avaliou.
“Acredito que Pedro poderá ter sua chance de seguir atuando desta forma, até porque suas características são bem diferentes de outros atacantes da Seleção, e o técnico Tite pode pensar que seu estilo de jogo poderá ser útil numa Copa do Mundo. Tudo está em aberto, mas vejo Gabigol na frente em termos de chances de chegar na Copa deste ano”, afirmou.
Deixe seu comentário



Matéria Origial