Em Minas Gerais, Zema lidera com 44%; Kalil tem 24% Por Estadão Conteúdo

© Reuters Pesquisa Ipec: Em Minas Gerais, Zema lidera com 44%; Kalil tem 24% Salvador, 30 – O governador de Minas Gerais e candidato à reeleição, Romeu Zema (Novo), lidera a disputa estadual com 44% das intenções de voto. O dado é da pesquisa Ipec, divulgada nesta terça-feira, 30. Candidato apoiado pelo ex-presidente Luiz Inácio […]

Em Minas Gerais, Zema lidera com 44%; Kalil tem 24% Por Estadão Conteúdo


© Reuters Pesquisa Ipec: Em Minas Gerais, Zema lidera com 44%; Kalil tem 24%

Salvador, 30 – O governador de Minas Gerais e candidato à reeleição, Romeu Zema (Novo), lidera a disputa estadual com 44% das intenções de voto. O dado é da pesquisa Ipec, divulgada nesta terça-feira, 30.
Candidato apoiado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e principal adversário de Zema na corrida eleitoral, o ex-prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil (PSD) vem em seguida, com 24%.
Com apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL), Carlos Viana puxa o pelotão de trás, com 3%. Cabo Tristão (PMB), Lorene Figueiredo (PSOL), Marcus Pestana (PSDB), Renata Regina (PCB) e Vanessa Portugal (PSTU) possuem 1% cada. Indira Xavier (Unidade Popular) e Lourdes Francisco (PCO) não pontuaram. Brancos e nulos somam 11%. Não souberam, 13%.

Segundo turno

O Ipec ainda simulou um cenário de eventual segundo turno na disputa mineira. Zema venceria Kalil por um placar de 52% a 30%. Brancos e nulos são 10%. Não sabe ou não respondeu, 9%.

Senado

Cleitinho (PSC) é líder nas intenções de voto na corrida pelo Senado, com 15%. Em segundo lugar, aparece Alexandre Silveira (PSD), com 10%. Na sequência, Marcelo Aro (PP) tem 5%, enquanto Pastor Altamiro Alves (PTB), Sara Azevedo (PSOL) e Bruno Miranda (PDT) somam 4% cada. Irani Gomes (PRTB) tem 2%, seguida por Dirlene Marques (PSTU), com 1%. Branco, nulo ou nenhum, 19%. Não sabe ou não respondeu, 35%.
A pesquisa ouviu 1.504 pessoas nos dias 27 a 29 de agosto em 83 cidades mineiras. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número MG-09592/2022.



Matéria Origial

Relacionados