Cruzeiro não perde tempo e anuncia mais uma contratação

Após anunciar o zagueiro Luis Felipe, o lateral/atacante Marquinhos Cipriano e o atacante Bruno Rodrigues, o Cruzeiro anunciou nesta terça-feira (19), o volante Pablo Siles, que estava no Athletico-PR. O jogador chega por empréstimo até o final da temporada.Nesta temporada, o volante participou de 18 jogos do Furacão, marcando um gol e dando uma assistência. […]

Cruzeiro não perde tempo e anuncia mais uma contratação



Após anunciar o zagueiro Luis Felipe, o lateral/atacante Marquinhos Cipriano e o atacante Bruno Rodrigues, o Cruzeiro anunciou nesta terça-feira (19), o volante Pablo Siles, que estava no Athletico-PR. O jogador chega por empréstimo até o final da temporada.Nesta temporada, o volante participou de 18 jogos do Furacão, marcando um gol e dando uma assistência. Siles chega para suprir a ausência e carência de um primeiro homem de meio de campo .Vale lembrar que William Oliveira, está no departamento médico.Na chegada a Belo Horizonte, o volante foi instruído a não falar com a imprensa, porém  Francisco Vieira da Silva, mais conhecido como “Chiquito”, estava com a nova contratação do Cruzeiro e falou rapidamente. “Ele está feliz. Chega motivado e sabendo da grandeza do Cruzeiro”, disse.O treinador da raposa, Paulo Pezzolano já tinha falado sobre as novas contratações do clube. Segundo o uruguaio, apenas Pablo Siles vinha de uma sequência de jogos e por isso, os reforços ainda vão demorar a encontrar o ritmo.“São jogadores que a maioria deles, a não ser o Pablo Siles, vem de dois meses e meio que não joga. Treinavam sozinhos, mas não é o mesmo que treinar com o grupo. E eles estão sentindo um pouco a intensidade que nós queremos. Eles vão estar no dia a dia, vamos estar vendo eles, se dá para começar jogando, se dá para entrar no segundo tempo, vamos ver isso”, falou o treinador.

Jogo de hoje

O Cruzeiro joga hoje, pela última rodada do 1° turno, contra o CSA, no estádio Rei Pelé, as 19 horas. A raposa, caso vença o jogo, irá igualar o Vitória de 2012, com a maior pontuação de um turno na história da Série B, com 44 pontos.



Matéria Origial