Bayern e RB Leipzig abrem a temporada da Alemanha

A temporada do futebol alemão começará neste sábado com a disputa da Supercopa da Alemanha. Bayern de Munique e RB Leipzig se enfrentam na busca pelo supercampeonato nacional. Na próxima sexta, será a vez da volta da Bundesliga com o jogo de abertura entre os atuais campeões, Bayern, contra os atuais detentores do título da […]

Bayern e RB Leipzig abrem a temporada da Alemanha



A temporada do futebol alemão começará neste sábado com a disputa da Supercopa da Alemanha. Bayern de Munique e RB Leipzig se enfrentam na busca pelo supercampeonato nacional.
Na próxima sexta, será a vez da volta da Bundesliga com o jogo de abertura entre os atuais campeões, Bayern, contra os atuais detentores do título da Liga Europa, o Frankfurt.
Enquanto os Bávaros vão em busca da oitava supercopa, o RB Leipzig tem a chance de levantar a taça pela primeira vez na história. E para o Leipzig conseguir o feito inédito vai precisar parar o estreante Sadio Mané, que chega ao Bayern após marcar 120 gols e 48 assistências em 269 pelo Liverpool.
Além dele, Christopher Nkunku já marcou dois gols no próximo adversário em seis jogos, mas ainda não venceu.

Confira cinco destaques da Supercopa da Alemanha:

Sadio Mané

O senegalês fará sua estreia em jogos oficiais. O recém-coroado Jogador Africano do Ano marcou 23 gols e deu cinco assistências em 51 jogos pelo Liverpool na última temporada, além de ajudar os Reds a vencer a Champions League e um primeiro título da Premier League em três décadas.
Poucos esperavam que ele deixasse Merseyside, mas o ex-atacante do Red Bull Salzburg buscou um novo desafio no Bayern. Mané chegou ao clube alemão marcando um gol em sua estreia na vitória por 6 a 2 sobre o DC United.

Christopher Nkunku

Um grande destaque do RB Leipzig é o atleta, que já marcou 44 vezes e deu 47 assistências em 134 jogos na Bundesliga.
A última temporada foi a melhor para o jogador de 24 anos até agora, com 20 gols e 13 assistências. Ele engrenou após um ajuste tático de Domenico Tedesco que lhe proporcionou mais liberdade, sendo nomeado o Jogador da Temporada da Bundesliga por suas grandes atuações.

A nova cara do Bayern

Parte da fórmula do sucesso do time está em ter uma cultura vencedora e que consegue repor as peças e manter o mesmo nível. E essa cultura será posta à prova nesta temporada, após perder Lewandowski.
Para isso, eles trouxeram o já mencionado Mané e resistiram a tentação de buscar uma substituição semelhante. Em vez disso, os Bávaros irão recorrer à capacidade de adaptação de Julian Nagelsmann para marcar gols sem depender de um único jogador que centralize as ações.
Gnabry pode se beneficiar ocupando uma posição mais avançada, mas espera-se que um falso nove seja implantado em um ataque com Thomas Müller, Kingsley Coman, Mané ou Leroy Sane, onde eles poderiam todos se movimentar à vontade pelo ataque. Combinados, eles forneceram 64 gols e 55 assistências na última temporada.

Leipzig entrosado

Enquanto o Bayern se reinventa, o Leipzig, por outro lado, está praticamente inalterado em relação à temporada passada. Mesmo com um desempenho final abaixo do esperado, é preciso lembrar que o início do último período foi conturbado com Jesse Marsch, depois da equipe passar dois anos sob Nagelsmann.
Domenico Tedesco entrou para fazer o time retomar o rumo das vitórias, mas só teve de dezembro a maio para causar um impacto. E isso ele fez, com 18 vitórias, sete empates e apenas cinco derrotas, incluindo ganhar a primeira grande taça na história do clube.
Manter o time sem mudanças durante o verão pode, portanto, ser considerado positivo, com Tedesco capaz de passar a pré-temporada pregando sua filosofia. Esse entrosamento pode ajudar Domink Szoboszlai e Alexander Sorloth, que terão ainda mais oportunidades para se adaptar às expectativas da Bundesliga.

Abrindo a temporada

Desde o empate sem gols entre os rivais Borussia Dortmund e Schalke, em 2011, nunca houve menos de dois gols em uma Supercopa, enquanto houve pelo menos quatro em quatro das últimas cinco edições.
Na última temporada, o Bayern ganhou por 3 a 1 do Dortmund, tendo vencido o rival por 3 a 2 em 2020 e batido o Frankfurt por 5 a 0 em 2018.
Este ano é a vez do Leipzig fazer sua estreia na Supercopa e mostrar que veio para vencer, seguindo os exemplos de Stuttgart, em 1992, e do Wolfsburg, em 2015, que venceram na primeira aparição.
Deixe seu comentário



Matéria Origial